23:00

Para Uma Pessoa Falecida

Desafio das Cartas (Dia 11)
Carta para uma pessoa falecida com a qual gostavas de falar


E aí, !? Onde cê tá é um lugar bonito!? Eu sinto sua falta, sabiia!? Mesmo vcê me aperriando tanto, implicando comigo & imaginando coisas absurdas. Vcê era minha , neah!? Como vcê sempre diziia: é mãe duas vezes! [uahsuahs'...] Não venho por akê te pintar como uma santa & dizer qê vcê era a melhor vó do mundo. Mas todo mundo tem os seus defeitos & vcê tinha os seus. Vcê era ser humano como todos nós. E mesmo eu brigando com vcê &, ás vezes, sentir tanta raiva, eu sinto sua falta. Eu não sei explicar bem o qê eu tô sentindo agora. Mas eu penso qê, talvez, vcê esteja em um lugar bem melhor do qê akê. Vcê já não aceitava esse mundo & naum entendiia as coiisas mais atuais. Mas ainda assim, eu sinto falta da tua risada, do teu jeito bobo de pensar & do jeito de contar piadas. Sinto falta de qndo eu era criança qê vcê apagava todas as luzes de casa, colocava um lençol por cima de vcê & vinha nos assustar. [uahsuahsuhsua'...] Às vezes vcê era siim, a melhor do mundo. Mesmo qê vcê quase não entendiia nada qê eu falava, eu gostava de conversar com vcê. ;'/

Para Minha Avó

Nenhum comentário:

Postar um comentário