01:12

Ansiedade


Eu posso até ser indecisa, mas qndo eu quero uma coisa, meu bem, eu quero mesmo! Eu quero agora! Eu quero pra ontem! E o desejo de querer fica tão forte qê a minha ansiedade me faz esquecer de pensar. Eu esqueço quem eu sou, eu esqueço quem eu quero ser & eu viro refém desse sentimento. Desse sentimento qê me consome, qê me embriaga. Desse desejo de ter, de ter o qê se quer. Esse desejo de se sentir realizada, completa, satisfeita... E não adianta me chamar de louca. Eu sou louca siim! Eu sou assim! Eu não sei separar as coisas, eu não sei querer pouco, eu não sei querer pra depois. Eu só conheço o agora, o hoje, só conheço esse exato momento. Eu não tenho como pedir desculpas por isso se eu já nasci assim. Eu nunca ganhei presente no meu aniversário, só antecipado. Eu nunca consegui ver o episódio seguinte de uma série sem procurar spoiler. Roía as unhas, a boca estourava. Não durmo, não trabalho, não estudo, não como. Sou louca, sou surtada, sou estranha, mas sou eu.

Para RSN

Nenhum comentário:

Postar um comentário