22:08

Casa


Às vezes eu acho que não consigo esquecê-lo porque ele está dentro de mim... Dentro da minha cabeça e do meu coração... Às vezes acho que não consigo porque ainda não encontrei a pessoa certa... Às vezes acho que é porque ele não me deixa livre... Às vezes acho que é porque quando eu vejo que ele está indo embora e eu sempre arranjo um jeitinho de trazer ele pra perto... Penso também que é porque eu sempre dou liberdades pras brincadeiras dele... Ou porque eu demonstro o que sinto, mesmo que não fale... Mas às vezes eu sinto que eu mesmo não quero esquecê-lo... Eu não consigo aceitar que é o fim... Eu lutei tanto e não vai dar em nada!? Porque eu não o tenho de verdade!? Com toda a sinceridade do coração dele... Eu não estaria fazendo ninguém sofrer... Não estaria querendo ser melhor do que ninguém... Eu só estaria querendo ser feliz... Porque eu não consigo ficar com outros garotos sem lembrar dele!? Sem sentir vontade de chorar quando lembro que queria que fosse ele!? Porque ele não sente o mesmo que eu!? Seria tão mais simples se ele aceitasse que eu iria fazê-lo feliz... Mas ele é tão imaturo... Tão infantil... Por uma parte acho que é isso que me fez gostar tanto dele... Esse jeito que ele tem de não pensar nas conclusões de suas atitudes... Esse jeitinho dele querer sempre tudo... Dele se achar... Ele está mudando tanto... E eu tenho medo de perdê-lo assim... Ele já não é o mesmo daquele que conheci... Eu ainda poderia conviver com esse ser que ele se transformou agora... Mas se ele mudar mais eu tenho certeza de que vou perdê-lo pra sempre... Ele vai perder todas as características que me fizeram amá-lo... E assim, eu não deixaria de amá-lo, mas me lamentaria todos os dias da minha vida por não ter aproveitado enquanto havia tempo... Será que uma pessoa merece sofrer tanto, a ponto de viver o 'nunca mais'!? Mas não porque ela quer, mas porque não consegue mais!? Será que eu mereço sofrer tanto por um mero errinho de uma criança mimada, orgulhosa e mesquinha!? Eu sei que errei e percebi isso quando ele fez quase o mesmo comigo... Estamos tão quites... Porque ele não deixa os medos, as mágoas e os sofrimentos de lado e vem ficar comigo!? Eu te amo... E sei o que eu tô falando... Eu não sei se confiaria em você se você estiver perto... Mas eu te amo e quem ama perdoa... É, achei que nunca diria isso... Mas as coisas que ele fez comigo até hoje sou capaz de perdoar... Não sei se tem alguma coisa ou situação que eu não perdoe, mas agora eu perdoou... Eu o quero perto de mim... Eu o quero aqui... Eu quero morar no coração dele... Assim quem sabe nunca mais eu volto pra casa...

Para JSM

{texto escrito em 2007}

Nenhum comentário:

Postar um comentário