00:10

Eu


Eu queriia te dizer qê tô envolvida, qê eu tô querendo & qê eu não sei o qê fazer. Eu tenho qê entrar dentro dos limites qê eu mesma criei, mas eu não consigo. Eu não consigo ser eu. Desculpa, tá!? E ao mesmo tempo qê não sou eu, eu sou tão eu de uma forma qê eu não sei explicar. Parece qê eu me escondia, qê eu fugia de miim mesma. Não sei o qê acontece. Eu sou tudo qê eu não pensava em ser, eu quero tudo qê eu pensava em não querer. E de novo, de novo & de novo vcê me faz esse bem tão grande. E eu sinto como a primeira vez qê eu te olhei, parecia qê naquele momento o mundo parava de girar, eu flutuava. Eu tenho receio de me iludir mais uma vez, de não ser o mesmo pra vcê, mas por outro lado, eu gosto tanto desse meu eu. Gosto tanto de quem eu sou perto de vcê & qnto mais eu te vejo, mais eu quero te ver. E qnto mais eu te beijo, mais eu quero te beijar. Eu só quero tempo, mais tempo. Eu quero aproveitar o qê eu não aproveitei antes, o qê eu omiti tanto. Vcê me faz bem, um bem qê nem imagina. E eu jamais quero parecer entregue demais, apaixonada demais, te desejando demais. Mas, desculpa, não pude evitar. Só quero ser eu, esse eu qê eu sou com vcê, só quero viver, viver esse tempo com vcê. Quero qê o tempo passe bem devagar pra gente, ou nem passe. Quero vcê assim, desse jeito, sem mudar nada. Prqê de alguma forma, na primeira vez qê eu te vi, eu sabia qê era vcê!

Para RSN

Nenhum comentário:

Postar um comentário