22:29

Insuportável


Eu poderia ter tudo que quisesse... Mas não ter você às vezes se torna insuportável... Eu queria ver a luz dos seus olhos quando você diz que me ama... Eu queria sentir o teu calor quando eu me sentir triste e insegura... Eu queria ver o teu sorriso quando tudo parece infeliz... Porque de alguma você me faz tão bem... De alguma forma você me prende, me completa, me segura, me ajuda, me faz viver... Eu quero tua mão me levantando toda vez que eu cair... Eu quero caminhar contigo e pedir tua ajuda sempre que eu me perder... Eu te quero pra mim, só pra mim... O amor nos faz tão egoísta... Eu queria andar de mãos dadas contigo e te dizer a todo momento o quanto te amo e o quanto você me faz feliz... Sei que não posso... Não posso estar contigo... Não sei porquê... Mas sei que não há possibilidades agora... Pode haver daqui há uns segundos, há alguns minutos... Mas agora, agora, agora? Não... Imagina se você vai cometer a mesma loucura duas vezes... Às vezes eu sinto como se você me quisesse muito, mas na hora que me teve percebeu que não era bem isso que você queria... E eu fico tão insegura... Tão sem saber o que fazer... Você que sabe o que fazer de mim... Mas você não consegue me fazer feliz... Não quando você não está comigo... Às vezes você me abraça e sinto como se eu não precisasse de mais nada... Quando eu encontro seus olhos nos meus, eu sinto como se eu pudesse ser feliz com você... Mas tem algo, algo que prende ao medo e a insegurança... Eu tenho medo de tentar sozinha... Mas não de seguir você... Mas no momento você não anda me guiando... Você vai por um caminho e não me convida pra ir com você... E eu fico sem saber se te sigo, se fico parada ou se vou por outro caminho... Será que você vai voltar? Às vezes eu acho que eu não consigo te seguir... Você corre na vida enquanto eu apenas caminho... Enquanto eu apenas sigo sem destino... Eu não sei saber onde quero chegar... Eu só sei que tô no caminho certo, ou pelo menos acho que estou... Eu faço na minha vida tudo que eu tenho coragem na hora que consigo ela... Eu faço o que acho que devo fazer... Mas às vezes eu não chego nos limites que quero chegar... Eu não consigo as finalidades que preciso... Eu preciso tanto de ti... Eu preciso de você me sorrindo todos os dias... Me beijando e me chamando de amor... Eu adoro quando você me chama de 'meu amor'... 'Amor da minha vida'... Eu me sinto iluminada, a mulher mais perfeita... Eu faço serão na noite porque eu já não consigo dormir com você na cabeça... Eu já nem ligo pra que dia seja amanhã, só vou ligar se eu for te ter... Porque você não me liga mais? Porque não vem mais aqui em casa? Eu gosto tanto de te ter na minha rotina... Eu gosto tanto te ver... De te falar... De te tocar... De te sentir... De te beijar... De te amar... Eu gosto tanto do gosto gostoso de gostar de você...

Para JSM

{texto escrito em 2007}

Nenhum comentário:

Postar um comentário