02:21

Quero


Não faço ideia do que eu quero. Na verdade, eu até sei, eu não quero nada, e isso está muito entediante. Quando eu queria você, por mais difícil que tenha sido, pelo menos eu tinha no que me apoiar, mesmo que o apoio na maioria das vezes fosse a saudade. Sou viciado em me apaixonar, o que eu posso fazer? Gosto daquele frio na barriga, não desse inverno o tempo todo. Não quero ouvir "Eu te amo" no meio da tarde, não é isso. Não quero presentes, ou que me liguem, ou que eu tenha que ligar. Não quero ter que almoçar na casa de alguém que eu não conheço num domingo (meu querido domingo). Não quero ter um apelido bobo. Eu não quero. Absolutamente eu não quero. Sabe o que eu quero? Alguém que me faça querer tudo isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário