16:55

Imensidão


A gente não vai dar certo, nem hoje, nem amanhã, nem nunca. Eu tenho um mar profundo & escuro dentro do peito & eu preciso de alguém qê não tenha medo de mergulhar. Eu sei qê não é fácil encarar o desconhecido, mas eu sei qê no final vai valer a pena. Eu preciso de alguém qê olhe em meus olhos & consiga enxergar o brilho qê tem além de todo esse preto. Eu tenho coisas boas dentro de miim, mas a vida me fez mostrá-las apenas pra quem merece & pra quem não tem medo de desvendá-las. Um diia vai aparecer alguém & esse alguém não vai ser vcê. Eu tô cansada de tanta desculpa qê não se explica, eu tô cansada das pessoas deixarem de viver as coisas qê sentem pra arriscar qualquer besteirinha por aí. Eu sou intensidade, profundidade &, mais do qê isso, eu sou amor, da ponta do meu dedão até o meu fio de cabelo mais comprido. Eu só queria qê vcê entendesse qê a vida passa & as coisas boas vão embora também. Eu não garanto ficar. A minha profundidade é infinita demais pra ficar vazia por mto tempo. E tempo é uma coisa qê tem de sobra akê. E, um diia, alguém vai querer se afogar nessa minha imensidão.

Para BE

Nenhum comentário:

Postar um comentário