17:58

Obrigada Por Partir


Você fez por mim o que eu jamais faria. Eu escolheria permanecer ao seu lado na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza, por todos os dias de minha vida. Eu te apoiaria em suas decisões, te levantaria quando precisasse, te animaria em dias tristes e te amaria com todo respeito do mundo.
Sim, eu seria capaz de me tornar a mulher perfeita para você. Eu me adequaria ao seu gosto, à sua família e aos seus planos. Eu abdicaria das minhas vontades, mudaria de casa e de cidade, acordaria cedo para preparar o seu café e dormiria tarde para te fazer cafuné. Eu faria tudo por você e só se desse faria algo por mim.
Então, preciso te agradecer, obrigada por partir. Hoje eu tenho tempo pra mim, eu faço todas as minhas vontades, eu me mimo e me paparico desde o croissant da segunda-feira até a pipoca de chocolate do domingo. Eu não tenho horários, ou tenho, se eu quiser. O que está valendo, e muito, é que a minha vida se resume à minha felicidade. E eu nunca imaginei o quanto isso poderia ser maravilhoso.
Eu mantenho o conceito do amor eterno enraizado há muito tempo. Mas, só agora entendi a quem, de fato, este amor deve ser destinado.
Não é egoísmo e nem revolta, eu diria que é uma tremenda paz de espírito. Eu diria que é a maior liberdade possível, poder ser e fazer o que bem entender, livre da necessidade de aprovação de quem quer que seja.
E é com muita gratidão que dedico essa descoberta a você.

- Mallu Navarro

Nenhum comentário:

Postar um comentário