23:24

Invisibilidade


Cansou de lidar com a invisibilidade,
mesmo sabendo que o que é lindo não se controla,
por mais que amasse a vida que canta a vitrola.
- Você, você mesmo, me vê agora?
Ela não viu,
pois quem ama só,
não se vê e não se sente,
apesar do calor da esperança sempre em frente,
jogando migalhas para nós pensarmos que o caminho está certo.
Se ninguém te vê,
então ninguém sabe.
Não aceite as migalhas,
aonde termina o caminho da esperança
começa o da saudade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário