01:06

Não


Um dia você descobre que não é infalível. E então passa a dizer não sem herdar o peso da culpa, a não aceitar que sua vida seja medida com a régua dos outros. A sua relação com o tempo passa a ser diferente. Dedicação fiel ao que realmente importa, relativização transgressora do que não interessa. Porque quando tomamos consciência de nossa impermanência e falibilidade, todos os nossos sentidos se abrem para um único movimento: o de viver sem desconsiderar o que nos pede o coração.

- Pe. Fábio de Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário