02:08

Quero


Apesar de tudo é você que eu quero agora e só, mesmo que o amor que existe entre nós seja menor, mesmo que a despedida tenha sido batendo a porta e dizendo duas vezes que nunca mais - nunca mais, nunca mais. Tu é travesseiro pra qualquer desespero, é mel na garganta, chá de camomila, amor que cura e examina, e machuca sem querer. Sim, eu sei que é sem querer. Apesar de tudo, é você que eu quero agora, e só.

Nenhum comentário:

Postar um comentário