20:18

Hora Certa


Nem percebi quando te vi, o coração não bateu e a perna não tremeu, lá no finalzinho da noite arrancou um sorriso e só. No dia seguinte a mesma coisa, você falando daquela maneira confiante com seus amigos e eu aqui, com preguiça desse teu jeitinho, mas ok, arrancou outro sorrisinho algumas horas depois, mas esse foi sem querer, e nem foi tanto pra você. Os dias foram passando e eu percebi que sorria pra você pelo menos uma vez por dia, e cada dia eu te notava mais. Quando você pegou na minha mão pela primeira vez eu te olhei como se tivesse certeza que isso iria acontecer, e somente aceitei o toque. Tem amor que não é a primeira à vista, tem amor que é construído dia a dia com sorrisinhos, tem amor que é conquista, tem amor que atrasa pra chegar na hora certa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário