23:11

Carta Para os Meus Amigos


Vcê não era só a minha melhor amiga, vcê fazia parte de miim. Vcê me entendia como ninguém, a gente se dava bem, tínhamos uma confiança invejável por qualquer um. Eu não sei onde foi qê tudo desandou. É como se vcê não fosse mais a minha melhor amiga, como se vcê não fosse mais a mesma pessoa. Mas, talvez, eu qê não seja mais eu. Eu não sou mais aquela menina qê fazia pelos outros, qê não fazia mta coisa por miim. Eu não sou mais a qê vai correr atrás. Eu não sou mais aquela qê vai fazer de um cara o foco da minha vida. E vcê é assim. Eu não acredito mais em nada & ao mesmo tempo acredito em tudo. E vcê sempre foi 8 ou 80, em ser fã, religião, estudo, amizade. Eu sempre acreditei qê qnd uma pessoa quer, ela sempre dá um jeito. E a gente sempre dava um jeito pra nós duas, a gente compartilhava tudo, se via todo diia, se amava sem fim. E mesmo assim eu não entendo prqê acabou. Eu não entendo prqê vcê seguiu a sua vida como se eu não tivesse nenhum significado. Eu não entendo prqê vcê não penso se me magoaria, se alguma atitude sua fosse me magoar. Eu acho qê pra vcê eu qê sou a vilã dessa história, prqê eu nunca fiz questão nenhuma de me explicar ou de demonstrar o qto eu tava magoada. Eu simplesmente deixei ir. Eu desapeguei. Não prqê vcê não significava mais nada pra miim, mas prqê eu descobri qê eu podia voar & vcê estava me prendendo. Prqê eu queria ser livre & vcê tava me sufocando. Vcê não se importou em me trocar por namorados, em fazer de outras pessoas a sua melhor amiga, vcê não me procurou nos momentos mais difíceis, nem nos mais felizes. E é por isso qê eu parti. E eu não vou mais voltar, não mais. Não prqê eu esteja com raiva ou birra, mais prqê eu não chamo mais a sua companhia de lar.

Para YC¹

Nenhum comentário:

Postar um comentário