01:36

Carta Para os Meus Amigos


Eu te conheço desde o começo da minha adolescência, a minha melhor amiga era apaixonada por vcê, mas a gente não se tornou amigos, eu achava vcê meio mauricinho, meio metido. Até o diia qê eu descobri qê o cara qê eu gostava estudava na mesma sala qê vcê. Foi aí qê a gente se aproximou. Vcê tava afim da minha melhor amiga & eu afim do seu amigo. A gente fez um trato de um ajudar o outro &, no meio desse trato, minha melhor amiga se apaixonou de novo por vcê & vcês tiveram um namoro. Como vcês eram primos & não queriam qê a família soubesse era eu qê ligava pra sua casa todo diia pra falar com vcê, era eu qê ia com ela na sua casa qnd a gente queria te ver. E eu lembro o diia qê vcê trouxe o cara qê eu gostava pra gente, enfim, ficar. Mas teu namoro não durou mto & o meu também não. E eu comecei a ter um carinho mto grande por vcê, mas a gente foi se afastando. Eu não esperava qê fosse ser assim, eu não imaginei qê o qê a gente tinha fosse só questão de interesse. E a gente se afastou. Acho qê raramente a gente se falava, até eu descobrir qê vcê ia morar em outro estado. E vcê foi. E numa das suas visitas vcê deu em cima de miim, queria marcar pra gente se ver & ficar. Mas como vcê pensou numa coisa dessas!? A gente era amigos, minha melhor amiga tinha sido apaixonada por vcê, não era pra ser assim. E eu não fui, não marquei com vcê & não te vi mais. E nunca mais nos falamos. Às vezes eu procuro pela internet como tá a sua vida & me dá uma nostalgia enorme daquele tempo. Me dá uma saudade. Eu não sabia mto bem fazer amigos, nem mantê-los, mas tenho certeza qê o qê eu senti por vcê era puro, era verdadeiro, era de coração.

Para MV

Nenhum comentário:

Postar um comentário