Texto

- 13:53 ❞

Essa noite resolvi fazer como antigamente, como na época que eu ainda não me arriscava a escrever e buscava a poesia de outros para dizer o que sinto. Queria um texto do Caio que atingisse ela bem no meio, sabe? Mas na busca acabei sendo atingido: "Tem que ter coragem de olhar no fundo dos olhos de alguém que a gente ama e dizer uma coisa terrível, mas que tem que ser dita." Sempre adorei e detestei esse texto, pois é honesto no começo, mas termina com um bondoso, "Vai passar". Será que ele acredita nessas palavras ou somente tentou entregar a esperança para alguém? Eu mesmo sempre digo que vai passar, digo sem acreditar. No fundo ele sabe que talvez não passe nunca e que essa dor vai continuar sambando em nosso peito de salto agulha. Torço ao menos para que tire o salto, que fique descalço e pise mansinho. Tem que ter coragem para aceitar que não vai passar. É muita coisa nos pedindo coragem, Caio. Muita coisa. E eu ainda durmo com a luz do corredor acesa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário