01:49

Vestiidiinhoo


Eu não sei, eu não sou, eu já nem lembro mais de onde vem, onde estou, eu já não sou capaz

Pra quê fingir que sou normal se você nem sabe quem sou? Sou uma felina imoral, Uma baranguinha

Não sei mais o que eu tenho que fazer pra você admitir que você me adora, que me acha foda, não espere eu ir embora pra perceber

Gata da hora, pernão de fora, to te olhando, hoje eu to na tua cola

Ela passa de vestidinho, de calcinha fininha, diz que sou melhor amigo, aquela frescura todinha. Com segundas intenções até balanço a cabeça, só que no meu olhar transmitindo safadeza.

Para Eriick Xato Santos.

Quando eu der um sorriso tu me dá um beijo

Pura sensação, musa do verão, rainha do baile

Nenhum comentário:

Postar um comentário