Retrospectiva 2019

- 23:59 ❞
Olá meus amores lindos.
Vim akê fazer a minha retrospectiva desse meu ano de 2019. Não sei se vai ter mta coisa incrível, prqê teve essa pandemia de Covid & mta coisa mudou, mta coisa teve qê ser adaptada... Então, vamos lá pra ver as melhores coisas desse ano qê passou.

O Ano novo de 2019 pra 2020 eu rompi em casa mesmo. A gente fez um churrasco, comprou umas bebidas & ficamos por akê. Passei com a minha família mesmo. Pensei qê ia ser animado, prqê, enfim, todo mundo ia ficar akê, mas só fiz fazer cabelo, unhas & make nas pressas pra tirar umas fotos, comer & ir dormir.
Em Janeiro, logo qê passou o ano novo, eu viajei pra Natal pra visitar meu migo Hugo. Eu já tava prometendo pra ele qê eu ia, mas nunca dava & aproveitei qê minhas férias eram em janeiro & fui. Fui no dia 2 {numa quinta} & voltei no dia 6 {segunda-feira}.
No primeiro diia eu não vi Hugo, prqê ele tava trabalhando, então, Emily foi me buscar com a mãe dela.
Na sexta de tarde, eu & Hugo fomos dar uma volta no shopping de lá & de noite a gente foi pro bar Seis e Ponto e aproveitamos mto. No sábado fomos pro Manoa Parque Aquático & foi mto divertido, ainda deu tempo à noite de ir dar uma volta & ir numa lanchonete tomar um milk shake. No dia domingo ficamos por lá mesmo de bobeira & eu voltei na segunda com uma companhia mto especial.
Esse ano, enfim, peguei o meu diploma na faculdade. Fazia um ano qê eu tinha me formado, mas só falta pegar o diploma mesmo & aproveitando um diia qê eu tava no shopping, passei na facul & peguei. Também fiz botox no cabelo, eu nunca tinha feito & tinha ficado bem triste com o último corte & pintura qê tinha feito. {não foi culpa minha, gente, a mulher errou a cor & o corte & eu chorei mto} Mas dps do Botox qê dei em Elaine & Tony Cabelereiros ficou lindo, com a fibra bem fininha.
E como meu ano só começa de verdade qnd eu comemoro o niver desse coisa linda, fui lá pra Cavaleiros só pra comemorar o niver de Paulinho. O aniversário foi no sábado, mas fiquei lá até na segunda, prqê fizemos um churrasco nesse diia, porém isso me fez perder o prazo pra fazer identidade.
Esse ano também, minha boca estourou de novo & fiquei um pouco assustada, prqê ano passado minha boca tinha estourado & pensei qê ia ser igual. Mas também viajei pra Maragogi. {nada a ver uma coisa a outra } Aproveitei mto lá & tirei uma fotos maravilhosas.
No último diia das minhas férias eu ganhei dois ingressos de cinema de André & chamei minha mãe pra assistir 'Minha Mãe é Uma Peça' & a gente tava mto gata nesse diia.
Em Fevereiro, comemorei o aniversário de 1 ano da filha do meu líder Anderson & no mesmo diia deu pra eu ir almoçar no Shopping Rio Mar com a minha equipe preferida do Santander.
E eu tive uma visita maravilhosa esse ano qê foi meu tio {qê não saiu na foto} & minha tia de São Paulo. Minha prima Caroline vinha também, mas por causa de trabalho não deu pra ela vir.
No carnaval desse ano colocaram uma máquina de fotos lá na empresa & eu tirei mtas fotos. Tirei no Porto Digital, mas como lá fecha no carnaval, passei uns dias no Charles Darvin & a máquina de fotos tava lá também, então, tirei mais fotos & ainda fiz uma caracterização à altura.
Eu também decidi personalizar a capinha do meu celular, já qê eu não encontro nenhuma bonitinha pra comprar, eu fiz fiz várias ao longo do ano.
E teve pipoca lá na empresa de novo. Eu amo trabalhar nesse lugar.
E meu carnaval foi assim, com essas pessoas lindas. Na quinta-feira {como sempre} eu fui ver o show de Alceu Valença na abertura do carnaval de Olinda. No sábado eu saí de dia com Inêz & Itapoã, no meu sábado de lei de todo carnaval & fui com essa fantasia de anos 60 qê mainha costurou pro aniversário de Ana no ano passado. À noite fomos ver um show na Praça do Carmo, mas eu não lembro de quem era. No domingo fui pro Recife Antigo com mainha & tava mto gata com essa make bem neon. Na segunda, dei uma voltinha com Hugo & Emily, encontramos Gabi lá no Carmo. A terça me dei de descanso.
Em Março, enfim, consegui fazer & me pegar minha nova via da identidade, dps de mtos problemas & mta coisa qê deu errado, enfim, consegui. E de quebra ainda fiquei gatérrima na foto.
Dia 17/03 a empresa mandou a gente fazer a quarentena em casa & trabalhar de home office. Uma atitude necessária, porém fiquei triste prqê não sou mto adepta ao home office.
Em Abril, voltei a rever uma das minhas séries preferidas, Gossip Girl & terminei todas as temporadas. Tinha começado antes, mas parei por preguiça. Tava lendo os livros de Harry Potter qê eu me dei de presente & acabei terminando a saga toda nessa quarentena.
Aconteceu uma coisa bem chata esse ano, teve uma chuva mto forte akê qê deu um trovões mto alto & como a gente tinha ajeitado a bica akê de casa & o pedreiro não tinha feito o serviço direito, a bica acabou esborrando, pela cozinha, derrubou o teto de PVC, danificou uma instalações elétrica & ainda entrou água na casa toda, estragando alguns móveis. Mas, graças a Deus, chamamos outro pedreiro & conseguimos resolver esse problema.
Nessa quarentena aprendemos a assistir as lives, qê mtos cantores fizeram pra amenizar esse tempo de isolamento qê tivemos & essas foram as lives qê eu vi: Pedro Sampaio, KLB {bem nostalgia}, Bonde da Stronda, Fresno, Manu Gavassi {saudades BBB} & Anitta.
Também comemoramos o aniversário da minha mãe. Foi só um bolinho da gente com as amigas dakê de perto.
Em Maio comprei piercings novos numa lojinha qê encontrei na internet & fiquei apaixonada. Os piercings além de lindos são mtos bons.
Fiz um layout perfeito pro blog, prqê nenhum dos outros estavam me agradando. Esse ficou simples, mas ficou a minha cara.
Em Junho comemoramos o aniversário do meu vô com o da minha tiia, compramos um kit festa & reunimos só a família akê de casa mesmo, mas não podíamos passar em branco.
Também terminei de assistir 13 Reasons Why qê eu gosto mto & cortei o cabelo, o qê queria fazer fazia tempo, mas tava me privando por causa da pandemia.
No dia de São João fizemos um churrasco akê em casa com mta carne, mto milho & mto forró tocando. Matei toda a minha vontade de milho, foi mto bom.
Esse ano também eu fiquei bem mal dos meus piercings, o do conch qê aparentemente já tinha cicatrizado ficou inflamado de novo & eu dei mta compressa de água quente com sal & botei mta pomada. Também fui no otorrino pra ver se resolvia essa minha rinite & adivinha o qê deu!? Nada, como sempre. Me encaminhou pra um alergologista, fiz os exames novamente & não deu qê eu tenho nada. Agora vou fazer um tratamento, mas como tive reforma na casa não pude continuar.
Em Julho eu achei qê o cabo do meu celular tinha dado defeito & acabei descobrindo qê a entrada do cabo no meu celular é qê tava ruim, então, tive qê mandar o celular pra assistência. Mas mesmo sem celular meu horário tava todo descontrolado, desde o começo da quarentena & tava mto difícil pra fazer as coisas como comer & trabalhar.
E eu num comprei um All Star rosa nessa pandemia não, né!? KKKKK' Eu já tava namorando esse tênis a um tempão, mas na lojinha qê eu via vendendo sempre tava em falta, então, qnd fizeram reposição na loja eu aproveitei e comprei.
Em Agosto eu saí a primeira da quarentena pra me divertir assim, sabe, & ver gente de fora & fui ver meus amigos da facul. Aproveitei outro diia & fui almoçar fora com a minha família num restaurante, a gente não aguentava mais ficar trancada dentro de casa.
Também troquei de projeto na empresa o qê veio numa hora mto boa, prqê eu tava meio desmotivada com o projeto anterior qê tava meio sem ter o qê fazer. E mais no finalzinho do mês começamos um reforma akê em casa pra fazer um primeiro andar. A gente não tinha nem laje & a casa é pequena, então, foi mto difícil pra gente passar por isso, mas era um sonho qê a gente tava realizando. Aaah, também levei meu notebook pra consertar, mas não tenho nenhuma foto pra lembrar.
Em setembro minha boca estourou de novo & já tava surtando. E fiz exame de sangue pra ver se resolvia algo da minha alergia, qê já falei anteriormente qê não deu em nada. E comecei a rever uma outra série das minhas preferidas, 'Pretty Little Lias'.
E eu fui pra Maragogi de novo, com a empresa de turismo da minha prima, meus vizinhos foram também & aproveitamos por lá. Tirei fotos lindas & matei a saudade qê eu tava da praia, mas não foi melhor prqê eu ainda tava com mto medo do Covid.
E ainda fui na empresa ajudar a uma menina da minha equipe a pegar um notebook pra ela & foi bem estranho voltar lá, prqê além de eu tá desacostumada, a empresa tava vazia o qê é mto estranho pra miim.
E fui pra minha primeira festinha dps qê a pandemia começou, sei qê não devia, mas eu tava precisando & foi uma festa reduzida com pouca gente & numa casa, não em lugar público. Aproveitei & matei a saudade de um dos meus casais preferidos, Hugo & Emily. Foi aí qê comecei a rever as pessoas qê eu gosto & como não podia ser diferente, fui meu bebê, Paulinho.
No dia do meu aniversário eu ganhei um presente magnífico, o primeiro quarto da reforma {qê vai ser o da minha mãe} ficou pronto & a gente pode subir pra ficar mais tranquila. De noite eu comprei um bolinho & uns docinhos e comemoramos meu niver, mas esse ano só foi minha família & umas vizinhas.
Em Novembro fui visitar minhas amigas Rose & Elayne, Sheila não pode ir prqê tinha viajado, mas deu pra botarmos as fofocas em diia & matar essa saudade imensa qê eu tava sentindo.
Eu troquei de piercings, de novo, mas foram os outros & um mês dps eu fiquei com uma alergia horrenda nas orelhas & tive qê tirar & colocar os antigos mesmo.
Fui comemorar meu aniversário no Camarada Camarão pra poder comer de novo o meu prato preferido. Fomos eu & a minha família dakê de casa & mais fez pra miim esse lookinho babadeiro.
Fui pra Outback encontrar com meus lindos, Brenno & Vrasack. André não pode ir qê tava viajando, mas a gente aproveitou qê Vrasack ainda tava akê em Pernambuco & fomos matar um pouquinho da saudade.
Em Dezembro eu vi esses migos lindos de novo, porém com André, sem Brenno {mto difícil reunir todo mundo no mesmo dia }, mas matei a saudade de André. Fomos pro Marisqueira primeiro, dps andamos na orla de Olinda, fomos pro rooftop do Shopping Tacaruna & dps fomos comer no Tábua Em Chamas. Foi um verdadeiro tour essa saída.
Também fui ver minha amiga Inêz, qê eu não via fazia 10 meses, a família dela foi também & foi mto divertido. Fomos no Bonde do Nô & matei toda a saudade qê eu tava. Ainda ganhei um presentinho de natal.
No natal não fizemos nada, minha prima não tava em casa, compramos umas comidas & como não tinha água pra tomar banho eu meio qê perdi a vontade de me arrumar. E por fim, passei meu Ano Novo em casa com minha família &, sinceramente, eu tava gatíssima. Compramos uma comidas & ficamos por akê mesmo.
Então, desejo um feliz 2021 pra todo mundo, qê esse ano traga mtas coisas qê o ano passado não trouxe &, principalmente, a vacina.
Bgs.

Instagram da Semana ~ 395

- 23:58 ❞


Tua pele traz o cheiro de jasmin, é teu perfume com cravo, canela & alecrim.




Perdoa as fotos de céu & não desiste de miim.




Um abuso só.

Cansada pós faxina, porém feliz qê tô de férias.

Lisboa ~ ANAVITÓRIA & Lenine

- 22:37 ❞

Eu vejo tua cara e teu querer perverso
A gente fica bem aqui no chão da sala
Eu te queria a vida toda te confesso
Por mim, a gente nem precisa mais da estrada

Eu vejo você longe e quero você perto
Fica na minha sombra, eu posso ser teu rastro
Não quero tu na linha, vivo, morto ou claro
Eu quero tu na minha boca e a minha boca quer você, ê, êê
Quer você, ê, ê, ê, ê, ê, ê

Diga pra mim que é real
Que eu te prometo meu melhor
Fala pra mim o que eu quero ouvir
Que tu sentiu o que eu senti

Eu vejo tua cara, o teu querer perverso
A gente fica bem aqui no chão da sala
Eu te queria a vida toda, te confesso
Por mim, a gente nem precisa mais da estrada

Eu vejo você longe e quero você perto
Fica na minha sombra, eu posso ser teu rastro
Não quero tu na linha, vivo, morto ou claro
Eu quero tu na minha boca e a minha boca quer você, ê, êê
Quer você, ê, ê, ê, ê, ê, ê

Diga pra mim que é real
Que eu te prometo meu melhor
Fala pra mim o que eu quero ouvir
Que tu sentiu o que eu senti

Me diga agora, por favor
Que eu vou correndo te abraçar
Te quero tanto, é quase dor
É com você que eu quero estar

Se for por mim
Vai ser assim
É só você querer

Pra gente, enfim, se amar
Pra gente, enfim, se amar
(BIS)

Lisboa ~ ANAVITÓRIA & Lenine

Te Procuro ~ ANAVITÓRIA

- 22:34 ❞

Por onde quer que eu ande
Aonde quer que eu olhe
Nada afasta essa lembrança de você

Tem vezes que eu canto
Pra ver se você volta
É impossível, eu não consigo esquecer

Eu já fiz de tudo
Já te pus pra fora
E ainda te procuro
Eu te procuro toda hora

Quanto mais escuro
Mais claro na memória
O nosso amor machuca
Eu quero tanto ir embora

Mas eu te procuro
Eu só sei te procurar
Eu vejo seu nome nas coisas
Eu sinto seu cheiro na rua

Mas eu te procuro
Eu só sei te procurar
Me diz o que é que eu faço agora
Eu já pedi pra você ir embora

Mas eu não consigo arrancar
Você daqui
É que eu não consigo arrancar
Você daqui

Silêncio me conserta
Distrai a minha dor
Meu corpo pede tanto pra te visitar

Distância me dispersa
Carrega o meu amor
O teu sumiço me dissolve devagar

Eu já fiz de tudo
Já te pus pra fora
E ainda te procuro
Eu te procuro toda hora

Quanto mais escuro
Mais claro na memória
O nosso amor machuca
Eu quero tanto ir embora

Mas eu te procuro
Eu só sei te procurar
Eu vejo seu nome nas coisas
Eu sinto seu cheiro na rua

Mas eu te procuro
Eu só sei te procurar
Me diz o que é que eu faço agora
Eu já pedi pra você ir embora

Mas eu não consigo arrancar
Você daqui
É que eu não consigo arrancar
Você daqui

Te Procuro ~ ANAVITÓRIA

Te Amar é Massa Demais ~ ANAVITÓRIA

- 22:31 ❞

Te amar é massa demais, é
Tem barulho, fé, revolução
Nossa linha entre o sim e o não
Literatura cheia

Te amar é fácil demais, é
Num é só eu quem digo isso, não
Tua cara na televisão
Não me adianta a falta

Não vamos esperar o ano acabar de novo
Pra gente se ver
Escala o oceano búzios que eu nado montanhas
Pra gente se achar

Vamos rodar no mundo
Sei lá pra onde
E a gente aprende tudo
Sei lá o quê
Se for pra descobrir o mistério das coisas
Que seja com você



Te amar é massa demais, é
Tem barulho, fé, revolução
Nossa linha entre o sim e o não
Literatura cheia

Te amar é fácil demais, é
Num é só eu quem digo isso, não
Tua cara na televisão
Não me adianta a falta

Não vamos esperar o ano acabar de novo
Pra gente se ver
Escala o oceano búzios que eu nado montanhas
Pra gente se achar

Vamos rodar no mundo
Sei lá pra onde
E a gente aprende tudo
Sei lá o quê
Se for pra descobrir o mistério das coisas
Que seja com você
Que seja com você

Vamos rodar no mundo
Sei lá pra onde
E a gente aprende tudo
Sei lá o quê
Se for pra descobrir o mistério das coisas
Que seja com você

Eu sei que a nossa história é pra ser além de mim
A nossa história é pra ser além daqui
A nossa história atravessa o tempo, o plano, o certo, o tempo, o plano

A nossa história é pra ser além de mim
A nossa história é pra ser além daqui
A nossa história atravessa o tempo, o plano, o certo, errado

Te amar é massa demais, é
Tem barulho, fé, revolução

Te amar é fácil demais
Num é só eu quem digo isso, não

Te amar é massa demais, é

Te Amar é Massa Demais ~ ANAVITÓRIA

Abril ~ ANAVITÓRIA

- 22:28 ❞

Não quero te ver por perto
Por medo de se afastar
Não quero que escolha o certo
Por medo da dúvida

Não quero que fique aqui
Porque o meu gosto com o teu combinou
Porque eu já sei teu caminho e tua dor
Ou por se achar nas minhas vidas futuras

Porque o sabor pode sim transformar
E a estrada talvez desviar
A gente sabe, não dá pra prever
E o futuro engana até Deus
(BIS)

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando meu nome (BIS)

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando meu nome

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando

Não quero te ver por perto
Por medo de se afastar
Não quero que escolha o certo
Por medo da tua dúvida

Não quero que ancore o tempo
Nas horas que nada dizem
Nem conte mentiras pro vento
Por querer tanto acreditar

Porque os minutos se acabam tão rápido
E a verdade aparece num passo
Que nada, nada adianta querer
Enganar essa tua cabeça
(BIS)

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando meu nome (BIS)

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando meu nome (BIS)

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando meu nome

Eu quero por tudo lhe ver aqui
Mas eu quero o teu peito gritando

Abril ~ ANAVITÓRIA

Eu Sei Quem é Você ~ ANAVITÓRIA

- 22:25 ❞

Me fiz de cega pra não enxergar quem você é
Mas agora eu vejo
A tua teia de mentira já não me convence mais
Não tem nenhum lugar em mim pra tua solidão de si

Equívoco te ouvir cantar o amor tão bem
Você o desconhece
Me assusta ver a multidão te aplaudir e aplaudir de pé
Você nem mesmo se conhece
E eu quero te lembrar

Tua boca nada diz
Teu olho ninguém vê
Eu sei quem é você
Eu sei quem é você

Não vem dizer pra mim
Que não foi por querer
Eu sei quem é você
Eu sei quem é você



Equívoco te ouvir cantar o amor tão bem
Você o desconhece
Me assusta ver a multidão te aplaudir e aplaudir de pé
Você nem mesmo se conhece
E eu quero te lembrar

Tua boca nada diz
Teu olho ninguém vê
Eu sei quem é você
Eu sei quem é você

Não vem dizer pra mim
Que não foi por querer
Eu sei quem é você
Eu sei quem é você

Não olha pra trás
Você não vai me encontrar
Eu já sai desse lugar
Enquanto o mundo acorrentava tua voz

Tanto procurei a tua palavra
E o teu abraço tanto me faltava
Agora eu já nem lembro mais
Eu já nem lembro mais



Tua boca nada diz
Teu olho ninguém vê
Eu sei quem é você
Eu sei quem é você

Eu Sei Quem é Você ~ ANAVITÓRIA

Explodir ~ ANAVITÓRIA

- 22:22 ❞

Pra você eu me desmonto
Eu quero que minha voz cante no teu ouvido
Você me lembra que não há nenhum perigo
No quarto escuro pra dormir
E agora eu durmo bem

Do amor já disse tanto
Meu coração já passeou em tanta casa
Agora eu vejo que eu nem sabia nada
Amar é mais do que dizer do amor

A gente se escolhe todo dia
E eu te escolheria mais milhões de vidas
Porque uma só é pouco com você, amor
E eu quero tudo que eu puder viver, amor

A gente se escolhe todo dia
E eu te escolheria mais milhões de vidas
Porque uma só é pouco com você, amor
E eu quero tudo que eu puder viver com você
"Com você"

Tudo que eu puder viver
"Tudo que eu puder viver"
(BIS)

Tudo que eu puder viver

Pra você eu me desmonto
Eu quero que minha voz cante no teu ouvido
Você me lembra que não há nenhum perigo
No quarto escuro pra dormir
E agora eu durmo bem

Do amor já disse tanto
Meu coração já passeou em tanta casa
Agora eu vejo que eu nem sabia nada
Amar é mais do que dizer do amor

A gente se escolhe todo dia
E eu te escolheria mais milhões de vidas
Porque uma só é pouco com você, amor
E eu quero tudo que eu puder viver, amor

A gente se escolhe todo dia
E eu te escolheria mais milhões de vidas
Porque uma só é pouco com você, amor
E eu quero tudo que eu puder viver com você
"Com você"

Tudo que eu puder viver
"Tudo que eu puder viver"
(BIS)

Tudo que eu puder viver

Eu tô aqui do lado porque o corpo todo pede pra eu continuar
Vejo meu destino inteiro dentro de uma pessoa
A gente vive junto e vive só
E vive só

E você do meu lado porque teu caminho te coloca bem aqui
Mas se algum dia nossa história explodir
Eu nunca vou te segurar
Eu nunca vou te segurar
Eu nunca vou te segurar, não

A gente se escolhe todo dia
E eu te escolheria mais milhões de vidas
Porque uma só é pouco com você, amor
E eu quero tudo que eu puder viver, amor

Explodir ~ ANAVITÓRIA

Cigarra ~ ANAVITÓRIA

- 22:19 ❞

O azul e o sol moram em ti, cigarra
Meus males se vão com tua voz
Quem te trouxe pra perto, eu não sei
Mas de graça lhe entregaria
O meu mundo todinho de fé

Quem te trouxe pra perto, eu não sei
Mas de graça lhe entregaria
O meu mundo todinho

Sabe quando te vejo de longe, cigarra?
Tu cintila uma força tão rara
Os teus pés são grudados no chão
Mas tão lindo é ver teu coração
Se espalhando em canção na tua casa

Os teus pés são grudados no chão
Mas tão lindo é ver teu coração
Se espalhando em canção

Eu quero tanto, mas tanto, quero te ver
Eu quero muito saber do teu mar
Fala da dor que eu te cuido
Fala do amor, diga tudo
Que eu viro o peito do avesso pra lhe entregar

Fala da dor que eu te cuido
Fala do amor, diga tudo
Que eu viro o peito do avesso pra lhe entregar



Sabe quando te vejo de longe, cigarra?
Tu cintila uma força tão rara
Os teus pés são grudados no chão
Mas tão lindo é ver teu coração
Se espalhando em canção na tua casa

Os teus pés são grudados no chão
Mas tão lindo é ver teu coração
Se espalhando em canção

Eu quero tanto, mas tanto, quero te ver
Eu quero muito saber do teu mar
Fala da dor que eu te cuido
Fala do amor, diga tudo
Que eu viro o peito do avesso pra lhe entregar

Fala da dor que eu te cuido
Fala do amor, diga tudo
Que eu viro o peito do avesso pra lhe entregar

Cigarra ~ ANAVITÓRIA

Carvoeiro ~ ANAVITÓRIA

- 22:13 ❞

Fala tudo que você quiser
Deixa eu entender você
Quero te escutar

Não precisa se assustar
Nada vai desmoronar
A gente é tão maior

Veja
Olhe o mundo ao seu redor
O que pulsa em você
É grande demais

Tanta coisa pra encontrar
Tanto erro pra acertar
E a gente é tão maior

Eu cansei
Da gente se cansar
O que é se acostumar
E o que é morrer de amor?

Olha no meu olho pra entrar
Dentro da cabeça, pode ver
Que você já tá em todo lugar
Ontem, hoje, amanhã aqui

Beija a minha boca pra provar
Todo o seu gosto que guardei
Nessa armadilha que é te agarrar
E não querer prender

Veja
Olhe o mundo ao seu redor
O que pulsa em você
É grande demais

Tanta coisa pra encontrar
Tanto erro pra acertar
E a gente é tão maior

Eu cansei
Da gente se cansar
O que é se acostumar
E o que é morrer de amor?

Olha no meu olho pra entrar
Dentro da cabeça, pode ver
Que você já tá em todo lugar
Ontem, hoje, amanhã aqui

Beija a minha boca pra provar
Todo o seu gosto que guardei
Nessa armadilha que é te agarrar
E não querer prender

Se eu fico dói
Se eu for também
Se eu chego, vai
Se eu corro, vem
(BIS)

A gente nunca sabe quando é hora de acabar
A gente nunca sabe quando é hora de acabar
(BIS)

Carvoeiro ~ ANAVITÓRIA

Terra ~ ANAVITÓRIA

- 22:10 ❞

Será
Que a tua boca pede minha boca quando bebe de outro alguém?
Que a tua mão procura a minha? Porque a minha te procura também
Você se lembra como é bom arder comigo?
Você se lembra como é bom?

E eu sei
Já faz um tempo desde aquela vez
Que não cabia em nós pensar sobre o depois
Que a gente inventou que o mundo era pra dois
E as nuvens do seu rosto me diziam sim

Que a gente se sabia antes de tão perto
E quando eu digo isso não é sobre o etéreo, não
Que eu viro terra, eu planto minha raiz no chão
Quando você existe aqui

Será
Que a tua boca pede minha boca quando bebe de outro alguém?
Que a tua mão procura a minha? Porque a minha te procura também
Você se lembra como é bom arder comigo?
Você se lembra como é bom?

E eu sei
Já faz um tempo desde aquela vez
Que não cabia em nós pensar sobre o depois
Que a gente inventou que o mundo era pra dois
E as nuvens do seu rosto me diziam sim

Que a gente se sabia antes de tão perto
E quando eu digo isso não é sobre o etéreo, não
Que eu viro terra, eu planto minha raiz no chão
Quando você existe aqui

Mudam marés
Crescem mãos
Surgem fés

Astros transitam
Coisas vão
Coisas são

É o teu jeito de me perguntar se eu tô bem
O teu lábio que treme quando não sabe dizer
As palavras que são tão íntimas de você
E o teu corpo que eu ainda não descobri
Mas que eu sinto tão bem

Quando você existe aqui
Quando você existe aqui
(BIS)

Terra ~ ANAVITÓRIA

Amarelo, Azul e Branco ~ ANAVITÓRIA & Rita Lee

- 22:07 ❞

Deixa eu me apresentar
Que eu acabei de chegar
Depois que me escutar
Você vai lembrar meu nome

É que eu sou dum lugar
Onde o céu molha o chão
Céu e chão gruda no pé
Amarelo, azul e branco

Deixa eu me apresentar
Que eu acabei de chegar
Depois que me escutar
Você vai lembrar meu nome

É que eu sou dum lugar
Onde o céu molha o chão
Céu e chão gruda no pé
Amarelo, azul e branco

Eu não sei
Não sei
Não sei diferenciar
Você de mim

Eu não sei
Não sei
Não sei diferenciar



Eu vim pra te mostrar
A força que eu tenho guardado
O peito tá escancarado
E não tem medo, não
Não tem medo

Eu canto pra viver
Eu vivo o que tenho cantado
A minha voz é meu império
A minha proteção

Eu vim pra te mostrar
A força que eu tenho guardado
O peito tá escancarado
E não tem medo, não
Não tem medo

Eu canto pra viver
Eu vivo o que tenho cantado
A minha voz é meu império
A minha proteção

Meu caminho é novo, mas meu povo, não
Meu coração de fogo vem do coração do meu país
Meu caminho é novo, mas meu povo, não
O norte é a minha seta, o meu eixo, a minha raiz

E quando eu canto cor
Quando eu grito cor
Quando eu espalho cor
Eu conto a minha história

Não sei
Não sei
Não sei diferenciar
Você de mim

Não sei
Não sei
Não sei diferenciar

Amarelo, Azul e Branco ~ ANAVITÓRIA & Rita Lee

Selva ~ ANAVITÓRIA

- 22:04 ❞

A selva toda iluminada e eu só lembro
Da luz que era a tua e não elétrica
Do ar que me fugia em cada sílaba
Eu viajava no teu papo quântico

Tu me engolia com essa cara cínica
E eu vigiava com meu olho míope
Tentei caber na sua matemática

Quantos encontros cabem numa vida?
Quantas vidas pra viver?
Quanto chão pra caminhar?
Quantos sóis nós vamos ver nascer?

Mundos vão ruir
Curas vão surgir
E nós dois aqui

Tua cadência embriagada, eu entendo
Te confiei as minhas crenças cármicas
Você cantou pra mim a tua dúvida
Tua praia cética, minha onda mística

Fantasiei o teu lugar mais íntimo
Te respondi no meu lugar mais úmido
Criamos pontes sobre amores líquidos

Quantos encontros cabem numa vida?
Quantas vidas pra viver?
Quanto chão pra caminhar?
Quantos sóis nós vamos ver nascer?

Mundos vão ruir
Curas vão surgir
E nós dois aqui



Quantos encontros cabem numa vida?
Quantas vidas pra viver?
Quanto chão pra caminhar?
Quantos sóis nós vamos ver nascer?

Mundos vão ruir
Curas vão surgir
E nós dois aqui

Selva ~ ANAVITÓRIA

Tenta Acreditar ~ ANAVITÓRIA

- 22:01 ❞

Tenta acreditar
Quando não me achar aqui pela manhã
Que minha falta é pra você se encontrar
Não olha pra trás

Diz enquanto ainda é hora
Tudo que você guardou tão forte aí
Tudo que te ensurdeceu e eu não ouvi
E ficou pra trás

Já tentei achar um nome
Esbarrei em mil promessas
Dessas que a gente esconde
Por não conseguir cumprir

Todo dia a gente acorda
E diz que vai ser bom
E o impossível diz que sim
Que o nosso fim já tá aqui

E eu
Quero acreditar que foi melhor pra mim
Você vai fingir que os astros têm razão
Talvez nosso crime seja solidão
Talvez nossa sorte

Se alguém te perguntar
Conta aquela história boa de nós dois
Diz que as coisas acontecem sem pedir
E a gente recomeça em outro lugar

Já tentei achar um nome
Esbarrei em mil promessas
Dessas que a gente esconde
Por não conseguir cumprir

Todo dia a gente acorda
E diz que vai ser bom
E o impossível diz que sim
Que o nosso fim já tá aqui

E eu
Quero acreditar que foi melhor pra mim
Você vai fingir que os astros têm razão
Talvez nosso crime seja solidão
Talvez nossa sorte

E se o nosso romance tocasse no rádio
E se o noticiário falasse de nós
E se o resto da vida estivesse a um passo daqui?
E se hoje pudesse ser quando eu te encontro
O começo de tudo



Quero acreditar que foi melhor pra mim
Você vai fingir que os astros têm razão
Talvez nosso crime seja solidão
Talvez nossa sorte

Tenta Acreditar ~ ANAVITÓRIA

Certeza

- 16:29 ❞

Se vier, venha com cem por cento de certeza. Porque dúvidas, já bastam as minhas.

- Caio Fernando Abreu

Menos Se Espera

- 16:25 ❞

O amor aparece quando menos se espera e de onde menos se imagina. Você passa uma festa inteira hipnotizado por alguém que nem lhe enxerga, e mal repara em outro alguém que só tem olhos pra você. Ou então fica arrasado porque não foi pra praia no final de semana. Toda a sua turma está lá, azarando-se uns aos outros. Sentindo-se um ET perdido na cidade grande, você busca refúgio numa locadora de vídeo, sem prever que ali mesmo, na locadora, irá encontrar a pessoa que dará sentido a sua vida. O amor é que nem tesourinha de unhas, nunca está onde a gente pensa.

Perto

- 16:24 ❞

Você,
pare de ser assim
longe
e comece
a ser perto!
Mas comece já
se possível
essa noite.

Amante Britânico

- 00:52 ❞
• Título Original: Park Avenue Player
• Autor: Vi Keeland & Penelope Ward
• Lançamento: 10 de março de 2019
• Editora: Charme
• Gênero: Romance
• Páginas: 292 páginas
Querida Bridget, É altamente questionável o fato de um dia eu ter a coragem para falar isso pessoalmente. Então aqui vai. Somos completamente errados um para o outro. Nós dois sabemos disso. Provavelmente, você é a última mulher na face da Terra que eu deveria querer e vice-versa. É a mãe solteira com uma boa cabeça. Eu sou apenas o residente despreocupado e atrevido passando pela cidade e morando temporariamente na sua garagem convertida em apartamento até voltar para a Inglaterra. Mas o que acontece é o seguinte… Por algum maldito motivo, não consigo parar de pensar em você de todas as formas bem inapropriadas. Quero você. O único motivo de eu estar admitindo tudo isso agora é porque não acredito que só eu esteja sentindo isso. Também percebo em seus olhos quando olha para mim. E, por mais grosseiro que eu pareça quando estamos brincando sobre sexo, minha atração por você não é brincadeira. Então, qual é o objetivo deste bilhete? Acho que é um lembrete de que somos adultos, de que sexo é saudável e natural e que pode me encontrar logo depois da porta da cozinha. Mais especificamente, para te avisar que vou deixar a porta entreaberta a partir de hoje no caso de querer me visitar no meio da noite. Sem perguntas envolvidas. Pense nisso. Ou não. O que quer que escolha. Duvido que vou acabar jogando isso por debaixo da sua porta, de qualquer forma. Simon.
O livro não me prendeu do começo, acho qê não me identifiquei mto com a Bridget, mas do meio pro final vcê fica mais empolgada, prqê os livros dessas autoras sempre tem uma reviravolta do meio pro fim & foi o qê aconteceu. E no final eu percebi qê o casal foi feito pra ficar junto mesmo.

Não Quero Mais

- 16:23 ❞

Eu não quero respostas. Não mais. Não quero que você volte atrás, nem quero que diga que se arrependa. Não tem nada mais para ser dito e nem discutido. Você pediu por isso, insistiu por isso, implorou por isso. Pra que eu desistisse, pra que eu fosse embora. No seu lugar, eu também não teria insistido muito. Mas no meu lugar, qualquer um teria desistido. Eu fiquei do seu lado, eu me importei quando ninguém se importava. Eu entendi a sua tristeza, eu compreendi o seu silêncio. Eu entendi tudo. Eu me coloquei em segundo lugar, só pra deixar você em primeiro. Eu passei a amar menos as pessoas, pra poder te amar mais. E em todo lugar que eu ia, eu queria estar com você. Eu deixei todas as pessoas do mundo por você. Porque eu achava que você valia mais do que todas as pessoas do mundo juntas. Eu achava que você era tudo. Mas olha só agora, olhe hoje por exemplo. Eu não quero nem respostas. Não quero mais nada, nem exijo mais nada. De todas as coisas do mundo, eu só queria que você tivesse me entendido. Queria que tivesse ficado, sabe? Queria que você não tivesse desistido, e que não tivesse me obrigado a desistir também. Eu queria muita coisa. Eu quis muita coisa. Hoje não, hoje eu não quero nada. Não quero mais.

- Robin and Stubb