31/07/2022

- 23:59 ❞

Hoje eu fui no Recife Antigo com mainha, a gente foi ver o centro de artesanato, deu uma volta na feirinha, viu umas apresentações de Maracatu qê teve lá & foi num barzinho pra comer. Foi mto divertido sair com ela. Adoro sempre qnd estamos juntas! ❤️
Bgs. 😘
Fotos
do dia


Eu nasci pra ter cor, bebê! ☺️ 🍊 🍷

Felicidade tem sorriso largo, coração tranquilo & alma serena. 🌺 ✨

No meu castelo não tem rei, eu qê mando no play. 🎶 👑

Leve a mulher da sua vida pra sair! 🧡 👑

Se tiver mãe mais gata eu desconheço! ❤️ 👑
Stories
do dia


31/07/2022 ~ 13:27

31/07/2022 ~ 15:40

31/07/2022 ~ 16:39

31/07/2022 ~ 17:19

31/07/2022 ~ 17:32

31/07/2022 ~ 17:35

31/07/2022 ~ 17:37

Não Precisem de Mim

- 19:45 ❞


Não gosto que me peçam para ser boa, não me peçam nada, mesmo aquilo que eu posso dar. As relações de dependência me assustam. Não precisem de mim com hora marcada e por motivo concreto, precisem de mim a todo instante, a qualquer hora, sei ouvir o chamado silencioso da amizade verdadeira, do amor que não cobra, estarei lá sem que me vejam, sem que me percebam, sem que me avaliem.

- Martha Medeiros

Toy Story 4

- 03:12 ❞

Ficha
• Título Original: Toy Story 4
• Lançamento: 20 de junho de 2019
• Dirigido por: Josh Cooley
• Gêneros: Animação, Aventura, Comédia, Família, Fantasia
• Nacionalidade: Estados Unidos da América
Sinopse
Agora morando na casa da pequena Bonnie, Woody apresenta aos amigos o novo brinquedo construído por ela: Forky, baseado em um garfo de verdade. O novo posto de brinquedo não o agrada nem um pouco, o que faz com que Forky fuja de casa. Decidido a trazer de volta o atual brinquedo favorito de Bonnie, Woody parte em seu encalço e, no caminho, reencontra Bo Peep, que agora vive em um parque de diversões.
Opinião
Antes de assistir o filme eu achei qê ia chorar mto, mas qnd começou vi qê não era tão triste qto eu pensava, mas no final, meu Deus, o final me quebrou qê chorei qê nem um bebê. Nunca pensei qê o Wood ia deixar de ser preferido & ia decidir ser um boneco perdido. Acho qê pra ele ou é protagonismo ou não é nada. Fiquei com pena da turma ter se separado. A parte da Gabi me fez chorar mto também. 😭

★★★★★

30/07/2022

- 23:59 ❞

Stories
do dia


30/07/2022 ~ 16:47

30/07/2022 ~ 23:05

30/07/2022 ~ 23:18

31/07/2022 ~ 00:53

Dói

- 19:45 ❞


O que mais me dói é ter fantasiado a nossa relação porque você me deu espaço pra isso.

Livre

- 19:44 ❞


Mas não te procuro mais, nem corro atrás. Deixo-te livre para sentir minha falta, se é que faço falta... Tens meu número, na verdade, meu coração, então se sentir vontade de falar comigo ou me ver, me procura você.

- Caio Fernando Abreu

Verdades Secretas 2

- 04:22 ❞

Ficha
• Título Original: Verdades Secretas 2
• Lançamento: 20 de outubro de 2021
• Atores: Camila Queiroz, Rainer Cadete, Agatha Moreira...
• Gêneros: Drama, Romance
• Episódios: 50 episódios
• Nacionalidade: Brasil
Sinopse
Em Verdades Secretas 2, seis anos após os acontecimentos da primeira temporada, Angel (Camila Queiroz) voltará para a prostituição para pagar as contas após a morte de Guilherme (Gabriel Leone) em um misterioso acidente de carro. Com um filho para criar e sem dinheiro, ela decide voltar ao glamouroso mundo da moda e das passarelas e acaba oferecendo seus trabalhos para um "book rosa" na expectativa de conseguir direito rápido. Enquanto isso, Giovanna (Agatha Moreira), filha do falecido Alex (Rodrigo Lombardi), está determinada a provar que Angel está por trás da morte de seu pai. Ela contrata um detetive particular que também trabalha com outras pessoas do mundo da moda, o misterioso Christiano (Rômulo Estrela). Mas ele acaba se apaixonando pela modelo.
Opinião
Todo mundo me falou qê essa segunda temporada não tinha nada a ver com a primeira, qê não era tão boa qto a primeira, mas eu vou confessar qê adorei. Porém, o enredo principal não é mto empolgante, gostei mto mais dos enredos secundários, mtas cenas engraçadas & coisas qê eu ficava curiosa pra saber como ia terminar. O único defeito dessa série é qê não mostra o final de mtos personagens, como da Lua, do Percy, do Cris... Sei qê foi prqê Camila Queiroz saiu do elenco, mas podiam ter enfatizado mais. Referente aos dois finais disponibilizados, eu prefiro o final em qê Angel vai embora, mostrando qê ela não amava ninguém & usou todo mundo. Não gostei mto do Alex ter aparecido, prqê não explica o corpo com DNA dele & não dá a Angel um final em qê ela conseguiu enganar todo mundo. Não qê eu estivesse torcendo pra ela, mas ficava bem mais interessante.

- 23:52 ❞


Há pessoas que nascem para serem sós a vida inteira. Eu, por exemplo. (...) Frequentemente me assusto, pensando que a vida vai acabar sem que eu encontre um grande amor ou uma grande amizade, ou mesmo uma grande vocação que justifique esse isolamento. O que eu queria era alguém que me recolhesse como um menino desorientado numa noite de tempestade, me colocasse numa cama quente e fofa, me desse um chá de laranjeira e me contasse uma história. Uma história longa sobre um menino só e triste que achou, uma vez, durante uma noite de tempestade, alguém que cuidasse dele. Mas gosto, gosto das pessoas. Não sei me comunicar com elas, mas gosto de vê-las, de estar a seu lado, saber suas tristezas, suas esperas, suas vidas.

- Caio Fernando Abreu

S de Saudade ~ Vitão

- 22:07 ❞


Tranquei o peito e joguei a chave fora
Não adianta nem bater a porta
Eu sou minha prioridade agora
Te ver já não me devora
Só incomoda, ai, ai

Desapeguei do sentimento
O que eu vejo lá fora dói por dentro
Seu rosto é só questão de tempo
Pra deixar no modo esquecimento

Ah, se fosse assim a gente nem chorava
Tanto, tanto
Já deu minha hora de pegar meu rumo e seguir só

Hoje sextou sem S de saudade
Eu tô rodando por toda a cidade
Fazendo rimas com a solidão
Gosto dessa liberdade

Hoje sextou sem S de saudade
Eu tô rodando por toda a cidade
Fazendo rimas com a solidão
Gosto dessa liberdade
De verdade

Calma amor, por favor, ex amor
Já passou, tu já tentou demais
Eu como sempre um pouco mais, não
Para de falar de mim por aí
Eu sei que eu sou lindo demais

Moro em corações, peitos e orações
Causo molhações

Sempre que ela me vê fala: Caralho ele é foda
Não segue a moda, ele faz a moda
Ele faz a roda

Se fosse fácil assim era bem melhor
Já deu minha hora de pegar meu rumo e seguir só

Hoje sextou sem S de saudade
Eu tô rodando por toda a cidade
Fazendo rimas com a solidão
Solidão, solidão, hoje, hoje

Hoje sextou sem S de saudade
Eu tô rodando por toda a cidade
Fazendo rimas com a solidão
Gosto dessa liberdade
De verdade, yeah

S de Saudade ~ Vitão

Fogo Na Babilônia ~ Tati Zaqui & MC Pedrinho

- 22:02 ❞


Esse cheiro de flor, vem de você
Chega mais perto, vou te dechavar
E quando a onda bater

Já tem outro aqui na mão
Tati Zaqui no rolê
Bota fogo no bailão, balão

Te pego te prendo e te passo
Deixa comigo que eu faço
To vendo tudo em slow
Mais um trago com você no meu quarto

Eu tô brisada em você
Back to me, bebê
Acho que o vento apagou
Deixa que eu vou acender

Fogo na, fogo na Babilônia
Fogo na, fogo na Babilônia
(BIS)

Babilônia, Babilônia
Babilônia
Babilônia, Babilônia

4:21, já passou das 4:20
Vou dá uns dois, porque o Leonardo da Vinte
Tô com um do bob que deixa naquele pique
Outro requinte, eu sou sem limite

Dechava outro, bola, acende e passa
Juliete na viseira que disfarça
Só parceira na banca junto com os parça
Não dá nada, não dá nada

Fragância do bud
Distancia da bad

E se me der insônia, fogo na Babilônia
E se me der insônia, fogo na Babilônia
(BIS)

Fogo na, fogo na Babilônia
Fogo na, fogo na Babilônia
(BIS)

Babilônia
Babilônia
Babilônia

Fogo na, fogo na Babilônia
Fogo na, fogo na Babilônia
(BIS)

Fogo Na Babilônia ~ Tati Zaqui & MC Pedrinho

Deus Me Proteja ~ Juliette

- 20:13 ❞


Caminho se conhece andando
Então vez em quando é bom se perder
Perdido fica perguntando
Vai só procurando e acha sem saber

Perigo é se encontrar perdido
Deixar sem ter sido, não olhar, não ver
Bom mesmo é ter sexto sentido
Sair distraído, espalhar bem-querer

Deus me proteja de mim
E da maldade de gente boa
Da bondade da pessoa ruim
Deus me governe e guarde
Ilumine e zele assim
(BIS)



Caminho se conhece andando
Então vez em quando é bom se perder
Perdido fica perguntando
Vai só procurando e acha sem saber

Perigo é se encontrar perdido
Deixar sem ter sido, não olhar, não ver
Bom mesmo é ter sexto sentido
Sair distraído, espalhar bem-querer

Deus me proteja de mim
E da maldade de gente boa
Da bondade da pessoa ruim
Deus me governe e guarde
Ilumine e zele assim
(BIS)

Deus Me Proteja ~ Juliette

Anunciação ~ Juliette

- 20:04 ❞


Na bruma leve das paixões que vêm de dentro
Tu vens chegando pra brincar no meu quintal
No teu cavalo, peito nu, cabelo ao vento
E o sol quarando nossas roupas no varal
(BIS)

Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais
(BIS)

A voz do anjo sussurrou no meu ouvido
Eu não duvido, já escuto os teus sinais
Que tu virias numa manhã de domingo
Eu te anuncio nos sinos das catedrais

Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais
(BIS)



Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais
(BIS)

Eu já escuto os teus sinais
Eu já escuto os teus sinais
(BIS)

Anunciação ~ Juliette

Tropicana ~ Juliette

- 19:58 ❞


Da manga rosa eu quero gosto e o sumo
Melão maduro, sapoti e juá
Jaboticaba, teu olhar noturno
Beijo travoso de umbu-cajá

Pele macia é carne de caju
Saliva doce, doce mel, mel de uruçu
Linda morena, fruta de vez temporana
Caldo de cana caiana, vou te desfrutar

Linda morena, fruta de vez temporana
Caldo de cana caiana, vou te desfrutar

Morena tropicana, eu quero teu
Oi, iô, iô, iô

Morena tropicana, eu quero teu sabor
Oi, iô, iô, iô
(BIS)

Oi, iô, iô, iô

Morena tropicana, eu quero teu sabor
Oi, iô, iô, iô



Da manga rosa eu quero gosto e o sumo
Melão maduro, sapoti e juá
Jaboticaba, teu olhar noturno
Beijo travoso de umbu-cajá

Pele macia é carne de caju
Saliva doce, doce mel, mel de uruçu
Linda morena, fruta de vez temporana
Caldo de cana caiana, vou te desfrutar

Linda morena, fruta de vez temporana
Caldo de cana caiana, vou te desfrutar

Morena tropicana, eu quero teu
Oi, iô, iô, iô

Morena tropicana, eu quero teu sabor
Oi, iô, iô, iô
(BIS)

Oi, iô, iô, iô

Morena tropicana, eu quero teu sabor
Oi, iô, iô, iô

Tropicana ~ Juliette

Por Supuesto ~ Juliette

- 19:55 ❞


Hoje eu olhei pra você e vi à beça
O gozo, a ginga, a luz, o som, a festa
Reparo em corte de cena, ponta, planta, mesa
Recorte inteiro de um amor completo

Só falta pelo menos um passo torto em cena
Não vou dormir, já vi

Eu já deitei no seu sorriso, só você não sabe
Te chamei pro risco, então fica à vontade
Vivo em tela viva, tela de cara e coragem
Solta esse seu muro e põe os pés nessa viagem
(BIS)

Meu sonho feliz era chegar e já cair no mar
Pela forma como se segue o tempo, a nuvem
Pode ser que vai chover e não vou me molhar
Toda pressa é inimiga do cuidado e hoje eu quero, amanhã

Eu hoje tô bem, quero ser o seu bem
Põe a mão do vão-vem, do vão-vem

Por supuesto que não transpareço
Mas eu já rezei um terço hoje pro seu santo me guardar
Zerei as moedas do desejo
Pra você me dar um beijo, desembolar



Eu já deitei no seu sorriso, só você não sabe
Te chamei pro risco, então fica à vontade
Vivo em tela viva, tela de cara e coragem
Solta esse seu muro e põe os pés nessa viagem
(BIS)

Meu sonho feliz era chegar e já cair no mar
(BIS)

Meu sonho feliz era chegar e já cair no mar

Por Supuesto ~ Juliette

Meu Erro ~ Juliette

- 19:46 ❞


Eu quis dizer, você não quis escutar
Agora não peça, não me faça promessas
Eu não quero te ver, nem quero acreditar
Que vai ser diferente, que tudo mudou

Você diz não saber o que houve de errado
E o meu erro foi crer que estar ao seu lado bastaria
Ai, meu Deus, era tudo o que eu queria
Eu dizia o seu nome, não me abandone

Mesmo querendo eu não vou me enganar
Eu conheço os seus passos, eu vejo os seus erros
Não há nada de novo, ainda somos iguais
Então, não me chame, não olhe pra trás

Você diz não saber o que houve de errado
E o meu erro foi crer que estar ao seu lado bastaria
Ai, meu Deus, era tudo o que eu queria
Eu dizia o seu nome, não me abandone

Não me abandone jamais
Não me abandone jamais
Não me abandone jamais
Não me abandone

Meu Erro ~ Juliette

Várias Queixas ~ Juliette

- 19:34 ❞


Pode fazer o que quiser
Até me machucar
Transborda no meu coração, só amor

Desde o momento que eu te vi
Tentei me controlar
Mas se eu não conseguir, vem me amar

Várias queixas

Várias queixas de você
Por que fez isso comigo
Estamos junto e misturado
Meu bem, quero ser seu namorado

O meu corpo balança querendo encontrar o seu amor
O swing do olodum me leva
Com você eu vou
(BIS)

Me leva amor
Meu bem querer
Me leva que assim fico louco por você
(BIS)

Várias queixas

Várias queixas de você
Por que fez isso comigo
Estamos junto e misturado
Meu bem, quero ser seu namorado
(BIS)

Várias queixas de você
Por que fez isso comigo
Estamos junto e misturado
Meu bem, meu bem, meu bem
Quero ser seu namorado

Várias queixas de você
Por que fez isso comigo
Estamos junto e misturado
Meu bem, quero ser seu namorado

Várias queixas de você
Várias queixas de você
(BIS)

Várias queixas

Várias Queixas ~ Juliette

Dona Cila ~ Juliette

- 19:11 ❞


De todo o amor que eu tenho
Metade foi tu que me deu
Salvando minh'alma da vida
Sorrindo e fazendo o meu eu

Se queres partir, ir embora
Me olha da onde estiver
Que eu vou te mostrar que eu tô pronta
Me colha madura do pé



Salve, salve essa nega que axé ela tem
Te carrego no colo e te dou minha mão
Minha vida depende só do teu encanto
Cila, pode ir tranquila, teu rebanho tá pronto



Teu olho que brilha e não para
Tuas mãos de fazer tudo e até
A vida que chamo de minha
Neguinha, te encontro na fé

Me mostre um caminho agora
Um jeito de estar sem você
O apego não quer ir embora
Diacho, ele tem que querer



Ó meu pai do céu
Limpe tudo aí
Vai chegar a rainha
Precisando dormir

Quando ela chegar
Tu me faça um favor
Dê um banto a ela
Que ela me benze aonde eu for



O fardo pesado que levas
Desagua na força que tens
Teu lar é no reino divino
Limpinho, cheirando alecrim

Dona Cila ~ Juliette

Benzin ~ Juliette

- 18:38 ❞


Eu já comprei passagem só de ida daqui
Porque se a de volta eu tiver
Eu sei que eu nem vou

Eu sou gaivota que esqueceu como voar
Peixe de rio que já se perdeu no mar
Do seu olhar

Mas se você chorar, benzin, não dá
Coração não vai guentar
Te dou colo pra deitar

Mas se você me pede pra ficar
Não vou mais me segurar
Nunca mais vou te soltar



Eu já comprei passagem só de ida daqui
Porque se a de volta eu tiver
Eu sei que eu nem vou

Eu sou gaivota que esqueceu como voar
Peixe de rio que já se perdeu no mar
Do seu olhar

Mas se você chorar, benzin, não dá
Coração não vai guentar
Te dou colo pra deitar

Mas se você me pede pra ficar
Não vou mais me segurar
Nunca mais vou te soltar

Mas se você chorar, benzin, não dá
Coração não vai guentar
Te dou colo pra deitar

Benzin ~ Juliette

Trajetória ~ Juliette

- 18:29 ❞


Quando eu cheguei aqui
Pensei que logo sorriria
Mas tanta gente riu de mim
Que eu chorei e me senti sozinha

Minhas palavras me pesaram
E por um instante eu me perdi de mim
Enquanto dedos me apontavam
Eu sentei pedindo só pra me ouvir

Duvidaram da minha palavra
E o meu jeito desastrado era motivo de piada pra rir
Enquanto eu me calava, o silêncio sufocava
E tantas vezes pensei em desistir

Ir pra casa, ver meus pais
Eu sinto falta da minha cidade
Eu te juro não dá mais
Ter que explicar todos os dias sobre a minha verdade

Na casa sem a paz
Sem o abraço de quem me conhece
Pouco a pouco cada dia mais
Trago no peito a força do meu nordeste



Vou pra casa ver meus pais
Sentir na pele
E entender tudo que eu fui capaz
Ver meus amigos e quem me conhece

Vou pra casa ter minha paz
E esquecer tudo que me entristece
Vou chorar sem precisar secar
Minha verdade é o que me engrandece

Vou sorrir sem ter que me explicar
Pois tenho a graça lá do meu nordeste

Pouco a pouco, cada dia mais
Trago no peito a força do meu
Nordeste

Trajetória ~ Juliette