Catucadão ~ Dynho Alves

- 21:07 ❞

Quando, quando passa na favela, todos ficam galudão
Com essa lapa de coxa, com esse rabetão
Com a carinha de safada, cara de perdição
É que a mente vai a mil, só imagina as posição

Arrasta ela pro barraco, a morena do rabetão
Começou o pega-pega, começou o socadão
Ela gemendo muito alto e eu cheio de tesão
Ela pediu pra mim parar, mas é socada com pressão

É só catucadão, catucadão, catucadão
Se eu te pego, socadinha, se eu te pego, socadão
(BIS)

É só catucadão, catucadão, catucadão
Se eu te pego, socadinha, se eu te pego, socadão

Catucadão, catucadão, catucadão, catucadão
Se eu te pego, socadinha, se eu te pego, socadão



Quando, quando passa na favela, todos ficam galudão
Com essa lapa de coxa, com esse rabetão
Com a carinha de safada, cara de perdição
É que a mente vai a mil, só imagina as posição

Arrasta ela pro barraco, a morena do rabetão
Começou o pega-pega, começou o socadão
Ela gemendo muito alto e eu cheio de tesão
Ela pediu pra mim parar, mas é socada com pressão

É só catucadão, catucadão, catucadão
Se eu te pego, socadinha, se eu te pego, socadão
(BIS)

É só catucadão, catucadão, catucadão
Se eu te pego, socadinha, se eu te pego, socadão

Catucadão, catucadão, catucadão, catucadão
Se eu te pego, socadinha, se eu te pego, socadão

Catucadão ~ Dynho Alves

Nenhum comentário:

Postar um comentário