Deitado

- 22:18 ❞

Deitado na areia sob um sol que não conhece o perdão e o barulho de um mar que adormece o corpo, eu te imagino ao meu lado. Enquanto as crianças correm atrás da bola numa tarde sem regras, eu te imagino ao meu lado. Os amigos falam sobre livros e mulheres e buscam a sombra que couber o corpo, e eu imagino você ao meu lado. Peço uma caipirinha de limão apenas por não ter você para alertar o cuidado, e sigo sem me cuidar e imaginando você ao meu lado. Nos dias bons, de sol e praia, ainda tropeço na vontade de querer a sua companhia. Não é triste, apesar de roubar os novos desejos. É o que chamam de sonhar acordado, imaginar você ao meu lado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário