Quem é Ela?

- 01:00 ❞

Estávamos ali há algumas horas e não havia nenhuma novidade, o bar era o mesmo, os amigos eram os mesmos e a sexta-feira era a mesma de sempre. "Quem é ela?", perguntou um amigo depois de bicar a cerveja. Olhei para os lados procurando alguém e fiz uma cara de quem não estava entendendo nada. "Esse sorrisinho que você dá olhando pro celular, só pode ser uma garota". É, tinha ela, o sorrisinho era culpa dela, mas como eu posso responder sendo que nem eu sei direito. Mas eu sei que é ela, sabe? Essas coisas a gente nunca sabe, mas sente que sabe, eu não faço ideia como descrever. Como vou falar do sorriso, das mãos dadas, das pintas nos ombros? Se ao menos eu soubesse desenhar. "Bruno, quem é ela?", ele insiste. Nesse momento todos da mesa já estão olhando pra mim e eu continuo sem saber o que dizer. Eles desistem e seguem com a mesma conversa, no mesmo bar, na mesma sexta-feira. Mas eu não era o mesmo, tinha ela. Antes de encher outro copo, eu deixo escapar mais um sorrisinho, e mando mais uma mensagem: você é incrível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário