R1 ~ Bonde da Stronda

- 22:01 ❞

Passei de robozão na sua porta
Vem pra minha garupa, então, se joga
Suzuki e R1 na minha frota
Mas se quiser a Land Rover nós importa

Meu cordão pesado, rolê de blindado
Só com os meu chegado, mina só faltou você
Vários kit separado, então, chega no sapato
Tudo muito bem tramado, os bico não vai entender

A noite é uma criança e eu trouxe tua chupeta
Pra mina marrenta é madeirada a noite inteira
De boné na cara, risquin sobrancelha
De trenzada a tropa subindo a ladeira

Oh, oh, oh, oh
Vai ter caô, oh, oh, oh, oh, oh
Se quer caô, oh, oh, oh, oh
Vai ter caô, oh, oh, oh, oh

Se quer caô, vai ter caô
Na tropa só moleque brabo, pique jogador
O ronco da Bandit anunciando o terror
Se é dia de baile os traçantes vão ser no amor

Eu observando a mais top do momento
Gata vem cheia de fogo que eu sustento
Quem olha de fora logo chega pra se envolver
Mas sou cria há muito tempo

De Glock, é isso que falam
Não fode, brota no meu bairro
Meus irmão sabe o que é a vida louca
É mulher, tiroteio, na fé, aquelas coisa

Elas me ligam o tempo todo pra me ver
Bebê, me fala onde você tá e qual vai ser
Passei pela quebrada, os amigo tão de PT
Só queimando um Colômbia planejando o que fazer, mó lazer
(BIS)

Vem pro Bonde da Stronda pra tu ser feliz
Que contra você nenhum cuzão não tenta
As novinha bola, as amante quer bis
Nosso ritmo frenético você não guenta

Oh, oh, oh, oh
Vai ter caô, oh, oh, oh, oh, oh
Tipo Dido , oh, oh, oh
Vai ter caô, oh, oh, oh, oh

R1 ~ Bonde da Stronda

Nenhum comentário:

Postar um comentário