Modo Avião, A Tua Voz, 700 Por Hora, Radar & A Música Mais Triste do Ano (Lud Session) ~ Ludmilla feat. Gloria Groove

- 21:54 ❞

Dá pra perceber
Que os nossos planos não tem nada a ver
Melhor você parar de sonhar

Eu não sou assim
Do tipo que quer um final feliz
Melhor você parar pra pensar

Eu sei que tudo foi bom demais
Que você é um bom rapaz
Mas eu não quero me envolver
Comprometer o meu jeito de viver

Não leva a mal, mas eu sou assim
Brincar de amor não é pra mim
Vai ser melhor pra você
Você vai ver

Mas se você quiser, chega mais
Daquele jeito que a gente faz
A gente pode curtir demais
E amanhã acordar em paz

Sem culpa, sem dor, sem pressão
Deixa o amor em modo avião
(BIS)



A cama amanheceu vazia
A noite foi escura e fria
Playlist que a gente ouvia
O silêncio da minha companhia

A gente briga todo dia
Enquanto a vida acontecia
O amor saiu pela porta afora

E se eu te ligar, cê vai atender
Diz que vai voltar só pra vir me ver
E se eu te disser que a vida tá bem
Sei que vou mentir se tem outro alguém

Então me diz se ele faz
O que eu não fiz
Só te liguei pra ouvir
(BIS)

A tua voz aqui
A tua voz
Só quero ouvir tua voz aqui
Só quero ouvir tua voz aqui



Reclama, mas gosta do meu estilo independente
Me mudei de endereço, vou morar na sua mente
Vestidinho da Gucci, só pra ficar indecente
Com meu Rolex no pulso, salto fino, o mar tá quente

Não tente me rastrear
Sou bicho solto
Sofri de emoção uma vez
Me blindei pra encarar esse mundo louco

Vivo a vida avançada
Porque a vida é minha
A última mulher que andou na linha
O trem passou por cima

Eu gosto que joga pro alto, me bota de quatro, puxa meu cabelo
700 por hora mordendo a fronha do meu travesseiro
(BIS)

Vai, vai, vai, vai
Se fizer gostoso a Ludmilla pede mais
(BIS)

Ai, ai, ai
Ai, ai, ai
(BIS)

Reclama, mas gosta do meu estilo independente



Olhando nossas fotos do passado
O perigo estava lado a lado
Eu não vi

Eu entendo tudo isso agora
Que não tem vilão na nossa história
Eu não vi

Estou aqui
Sem saber
O que falar
Pra minha vida cê já estava fora do radar

Longe de mim
Vai piorar
Por isso eu digo:
Baby, você não viu

Baby, você não viu
Baby, você não viu
O que você perdeu
O que você perdeu

Baby, você não viu
Baby, você não viu
O que você perdeu

Eu, eu, e-e-eu, eu
O que você perdeu

Eu, eu, e-e-eu, eu, eu

Embriagava todo dia a sua companhia
Não queria pensar que o fim um dia chegaria
Eu passeava em teu corpo, eu decifrava teus sonhos
Lucidamente eu vivia na nossa utopia, hã

Mas cê me deixa sem graça
Brinca com meu coração, isso é trapaça
Lembro a noite toda nós fazendo fumaça
Eu fico mal quando o efeito da cachaça passa

A verdade pra mim, meu querubim
Difícil aceitar o fim, por isso eu vim
Regar esse nosso jardim, quero o teu sim
Tudo green

Estou aqui...



Amor, quando o nosso vinho amargar ou perder o sabor
Quando a maquiagem borrar e as fotos perderem a cor
Tu ainda vai querer me aquecer quando não me restar nem calor?
E, quando o cigarro apagar, vai ter valido a pena as cinzas e o frescor?

Quando a nossa música tocar, tu ainda vai lembrar do ritmo?
Quando o mundo me machucar, tu ainda vai querer curar minha dor?
Tua voz e tua respiração são meus sons preferidos
Mas, quando eu esquecer de viver, teu olhar ainda vai me lembrar quem eu sou

Ainda vai querer acordar com meu toque e minha voz no ouvido?
Tua vida ainda vai ter sentido se a nossa for tudo o que te sobrou?
Quando chegar o cansaço, meu abraço ainda vai ser teu abrigo
Mas, quando a vida acabar, ainda vai querer ir pro mesmo lugar onde eu vou?

Ainda vai sorrir quando eu for teu único motivo?
Ainda vai ouvir o que eu digo, mesmo quando eu só quiser falar de amor?
Ainda vai tentar me entender quando eu não fizer mais sentido?
E ficar comigo quando tiver visto o pior lado de quem eu sou?

Eu sou
De quem eu sou
(BIS)

De quem eu sou
(BIS)

Amor

Modo Avião, A Tua Voz, 700 Por Hora, Radar & A Música Mais Triste do Ano (Lud Session) ~ Ludmilla feat. Gloria Groove

Nenhum comentário:

Postar um comentário