Copo de 700 ~ Tati Zaqui & Joey Mattos

- 21:41 ❞

Mas conheceu e viu o copo de 700
A mina era tranquila, agora vive só curtindo à toa
Beijando todas, distribui beijo na boca
Sem romance proibido, devo nada pra ninguém

Solteira, vive seu melhor momento
Ligeira, nunca perde o seu tempo
Olha, para, pensa
Procura por mim, mas eu já sumi como o vento

Eu e ele
No meu quartinho do prazer
Amanhã é outro em outro baile
Segue o baile
(BIS)

Mas conheceu e viu o copo de 700
A mina era tranquila, agora vive só curtindo à toa
Beijando todas, distribui beijo na boca
Sem romance proibido, devo nada pra ninguém

Solteira, vive seu melhor momento
Ligeira, nunca perde o seu tempo
Olha, para, pensa
Cê procura por mim, mas eu já sumi como o vento

Eu e ela
No meu quartinho do prazer
Amanhã é outra em outro baile
Segue o baile

Eu e ela, eu e ele
No meu quartinho do prazer, prazer
Amanhã é outra em outro baile
Segue o baile

Eu e ele
No meu quartinho do prazer
Amanhã é outro em outro baile
Segue o baile

Eu e ela
No meu quartinho do prazer
Amanhã é outro em outro baile
Segue o baile

Mas conheceu e viu o copo de 700
A mina era tranquila, agora vive só curtindo à toa
Beijando todas, distribui beijo na boca
Sem romance proibido, devo nada pra ninguém

Copo de 700 ~ Tati Zaqui & Joey Mattos

Nenhum comentário:

Postar um comentário