13:58

Compras


• Sapato ~ Moleca: Eu já tava querendo comprar um sapato pra mim, mas não queria estilo tênis não, queria algo mais social. Aí procurando eu achei esse & trouxe, além de bonitinho, tava com um preço ótimo.

Bgs. 😘

03:34

Imaginário


De imaginário esse meu amor não tem nada! Acho um barato eu ainda chamar de amor. Amor, amor, amor. Será que muda de nome com o tempo? Será que o tempo muda de nome com o amor? O amor e o tempo que se entendam, são eles que arrumam a casa todo dia achando que você vai chegar. Mas não chega. Quem chega sou eu, fazendo uma bagunça danada, porque a sua ausência é isso: é bagunça. Você é a minha falta de juízo.


14:00

Compras


• Água Micelar Bifásica ~ L'oreal: Já tava querendo experimentar essa água micelar bifásica, prqê só a água micelar não tava tirando a cola de cílios com tanta facilidade. Vamos ver se vai suprir as expectativas.

Bgs. 😘

03:30

Egoísta


Se te chamarem de egoísta quando você priorizar sua saúde mental, quando você ir embora por pensar em você, ou quando você se escolher, independente se ainda te queiram ali, se te chamarem de egoísta por isso.

Ok, seja egoísta então!


00:59

Ana e Vitória

• Título Original: Ana e Vitória
• Lançamento: 2 de agosto de 2018
• Dirigido por: Matheus Souza
• Atores: Ana Caetano, Vitória Falcão, Victor Lamoglia...
• Gêneros: Biografia, Comédia, Musical, Romance
• Nacionalidade: Brasil

Rio de Janeiro. Ana (Ana Caetano) e Vitória (Vitória Falcão) já haviam até mesmo estudado juntas, mas apenas se aproximam de fato em uma festa realizada muito longe de sua cidade natal, a pequena Araguaína, no Tocantins. Após se apresentar na festa, Ana fica impressionanda com a informal cantoria de Vitória, em uma rodinha de violão. Logo surge a ideia de gravarem algo juntos, que rapidamente explode na internet e chama a atenção do produtor Felipe Simas (Bruce Gomlevsky). A fama repentina as traz de volta ao Rio de Janeiro, para um show transmitido pela internet e a produção de seu primeiro CD.

O filme é a coisa mais fofinha. Qnd vcê pensa qê vai falar sobre a carreira da dupla, não, ele fala sobre todos os tipos de relacionamentos
& suas formas de amor. Eu gostei, é calmo, tranquilo & me arrancou algumas lágrimas também.


03:29

Diferença


A diferença é que você faz por amor, eu faço por você. A diferença é que todo dia você fala do Sol, mas nunca parou pra ver outra estrela nascer. Quer que eu chame de amor mesmo sem saber, e não nota, que toda estrela que cai é um pedido meu pra você. Olha pro céu um pouquinho, deita e sente o carinho, e lá na frente, bem lá na frente, você chama o meu sentimento do que quiser. Agora, só quero cuidar de ti e dar um beijo para cada estrela no céu. Pode começar a contar.


03:28

Escolho


Hoje eu escolho eu
apesar de você e de todo seu amor
é que às vezes a gente precisa do nosso amor, do nosso
que sempre esteve aqui, mas que se perde pelo caminho vez ou outra
hoje eu escolho eu
apesar de você ter feito meu coração um lugar tranquilo
e de ter me dado a possibilidade de vislumbrar a felicidade
hoje eu escolho eu porque eu sou essa própria felicidade
eu que me coloco dentro do meu próprio coração e tento entendê-lo, tento desbravá-lo, tento curá-lo com minhas próprias mãos
hoje eu faço o trabalho de me curar e de tentar responder a todas as questões que surgem
eu não procuro em alguém as respostas
eu olho pra mim e sigo em frente
é assim que precisa ser, entende?
eu te amo, mas meu amor por mim é maior e é o que honestamente vai me salvar dos dias ruins
das tempestades
do frio e da incerteza das coisas

hoje eu escolho eu porque sei que daqui vinte anos
o espelho que olhará pra mim verá o meu rosto
o mesmo rosto que me acompanhou durante todo esse tempo
sem reclamar ou ir embora
e minhas pernas ainda vão querer correr pelos parques
e ver o sol da praia
e a vida queimando lá fora
do lado da minha janela

eu escolho eu com todas as minhas inseguranças
e defeitos, que são muitos
porque eu não vou me abandonar na primeira falha
ou fugir no primeiro choro
ou sumir na primeira crise mais forte
será meu corpo que suportará toda a dor
e o peso da minha existência
e isso eu não posso compartilhar com você

eu me escolho hoje e amanhã
pois sei que sou a única pessoa desse caminho de autorreconstrução e cuidado
porque sei que meu coração é o único lugar
pra onde minha energia vai descansar
e meus sentimentos vão tirar um cochilo antes de saírem de mim pra encontrarem outras pessoas

eu escolho eu porque sempre estive aqui
e você chegou agora
ainda que sua presença seja bonita e incrível demais
eu escolho eu.

22:16

Instagram da Semana ~ 282

Segunda


Impossível conter a felicidade qnd a gente reencontra alguém qê nos faz tão bem! 😋 ❤️


Quarta


E.F. 💛


Quinta


O qê sente por miim não é ódio, é amor. 🎶 😘

Legal, ficar sorrindo à toa... 😀 ✌️🏻

Details. ⌚

Hj eu acordei gostando mais de miim, vou cair fora numa boa. 🍃 💭


Sexta


Pega essa Chapéuzinho Vermelho! 🐺 #DiiaDasCrianças 😋


Sábado


Hoje eu tô toda perigosa!! 🔫 #BaileDaEmilly 🎂

Mas ela não deu chance, tá fora do seu alcance. 🎶 👊🏻 😘

Na arte de curtir a vida essa mina é um talento. ✌️🏻 😀

#BaileDaEmilly 🎶 🎉

Dos melhores encontros qê a vida nos dá... Te encontrar me deixa sempre maia feliz! 😊 💙

Toda festa um reencontro. 😉 👍🏻

Eu ando seguindo tanto o baile qê nem sei mais em qê baile eu tô! 😅 🤙🏻

A dona do baile todo! 🎶 😋


Domingo


Qnd vcê vai numa festa bem piri & as unhas tem qê combinar! 😅 #GarotaVerãoColorama 💅🏻

03:26

Ondas


Resolveu pular oito ondas, havia pulado sete nos últimos anos e não tinha dado muito certo. Dividiu os pedidos em quatro partes. Nas três primeiras ondas pediu para ter ele de volta. Nas ondas quatro, cinco e seis, que vieram muito maiores que as primeiras, ela pediu um novo amor. Na sétima onda pediu para esquecer, pedido que havia feito em anos anteriores. A oitava ela não pulou, deixou bater forte nas pernas e disse em voz alta, "Quero ser feliz". Após o pedido ela chorou, chorou tanto que só parou para rir de si mesma, pois percebeu que havia gasto muitos pedidos e somente o último valeria a pena. Na manhã seguinte, ela voltou para a praia e notou que as ondas continuavam por lá. Ela molhou os pés, sorriu e agradeceu. Desta vez, sem pedidos.


22:59

Sábado


Em algumas noites de sábado, sinto preguiça do mundo. Preguiça de sair, de me arrumar, mesmo que seja para mim; de ouvir as mesmas perguntas e histórias dos meus amigos ou das pessoas que me abordam; de saber que as tramas de um sábado à noite sempre se repetem e que as possíveis surpresas não me surpreendem mais como antes. Sinto como se eu já tivesse lido a biografia deste e de vários outros sábados – todos tão iguais. Hoje, sinto preguiça do mundo como um todo e, por ter noção que essa impaciência só diz respeito a mim, fico aqui, no único lugar que tem a obrigação de me aturar por inteiro: a minha casa.