Paz

- 16:10 ❞

Você chegou bagunçando todas as minhas certezas. A sua presença me atingiu como um terremoto, arrebatou a minha rotina e se impôs como alguém que jamais hesitou - e eu estava acostumada com quem só possuía dúvidas. Você é tão eficaz, certeiro e ágil que adentrou pelas minhas entranhas de uma forma tão fugaz que em pouco menos de um mês eu já queria te fazer ficar por toda a minha vida. Mas amar você é calmaria. Te amar é fácil, gentil e doce. Enquanto eu sempre acreditei que o amor era chama que se alastrava na velocidade da luz levando tudo consigo, você me ensinou que é exatamente o contrário. Não tem que doer, não é necessário ser dificultoso e a beleza está justamente na simplicidade. Você me traz paz, coisa que eu nunca havia tido antes. Eu respiro aliviada porque tenho você. Tua voz me acalma, teu toque me acalenta e seu olhar me tranquiliza. Eu jamais pensei que tamanha calmaria fosse me trazer tanta libertação. Você faz com que eu me sinta amada em todos os momentos do dia, em simples movimentos ou palavras gentis e desconexas. Não tenho mais dúvidas, confusões, angústias e paranóias que me acompanharam durante todos os meus antigos relacionamentos, porque você afastou tudo. Meus traumas, minhas cicatrizes e aflições se tornaram meros coadjuvantes diante do equilíbrio que você me traz. Eu queria te agradecer por isso. pela forma com que você conduz essa linha imaginária que nos une. Tão cuidadoso, respeitoso e gracioso. Pelo jeito que você segura a minha mão, pela maneira com que você me cuida e pela preocupação genuína que você tem comigo. Eu nunca imaginei que encontraria a paz dessa maneira. Amar você foi uma das melhores coisas que já me aconteceu, e eu queria que você soubesse disso. Meus pulmões respiram aliviados. É como se eu tivesse encontrado um lar aconchegante depois de uma longa viagem cheia de tempestades, furacões e pavor. Com você eu me sinto em casa. Você é minha morada. Eu estou finalmente em paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário